Fiscalização do Naturatins apreende materiais predatórios e pescado durante a Piracema

Com o objetivo de coibir crimes ambientais, bem como a pesca predatória no período da Piracema, as equipes das Unidades Regionais do Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins), de Goiatins e Araguacema, e ainda do Monumento Natural das Árvores Fossilizadas, a operação de fiscalização ocorreu entre os dias 24 e 25 de novembro. Os fiscais percorreram o leito do rio Tocantins e afluentes no trecho de Palmeirante a Babaçulândia.

De acordo com a Secretaria de Comunicação Social (Secom), durante a operação foram apreendidos 720 metros de rede malhadeiras e 18 quilos de pescado. Ao perceberem a presença da fiscalização, os infratores fugiam do local e ninguém foi responsabilizado pelos materiais apreendidos, portanto, não houve emissão de auto de infração.

O material predatório encontra-se sob a guarda do Naturatins, na Unidade Regional de Goiatins, já o pescado foi doado a pessoas carentes no bairro Vila Portelinha, na cidade de Goiatins.

Ao abordar as embarcações, os fiscais também realizaram um trabalho de conscientização ambiental, com orientações concernentes à preservação dos recursos naturais.

Fonte: Portal CT

Nenhum comentário