Polícia cumpre mandados de busca e apreensão em Filadélfia


Com o objetivo de cumprir dois mandados de busca e apreensão, expedidos pela Comarca de Filadélfia, a Delegacia Estadual de Repressão a Conflitos Agrários – Derca, sob a coordenação da Delegada Gladys Graciela Cury com apoio da 1ª Delegacia Regional de Polícia de Araguaína, sob o comando da Delegada Veronica Tereza Carvalho Costa deflagrou, nesta terça-feira, 05, as operações “Desarme o Campo I e II”.

O primeiro mandado foi cumprido na sede da fazenda Santo Reis, onde foram apreendidos uma espingarda calibre 20 e várias munições, sendo preso em flagrante, Tercílio Domingos da Silva, acusado pelo crime de posse ilegal de arma de fogo. Ainda, segundo os policiais civis, membros do acampamento Vitória denunciaram que disparos de arma de fogo vinham sendo efetuados contra o acampamento e estavam partindo da sede da referida fazenda.

Um segundo Mandado de Busca e Apreensão foi cumprido na fazenda Alto Bonito, situada no Loteamento Cana Brava, no município de Palmeirante, onde também foram apreendidos armas e munições. Na ocasião, Elias Alexandre da Silva foi preso em flagrante delito pelo crime de posse ilegal de arma de fogo.

No decorrer da ação, pessoas que ocupavam uma segunda casa na mesma fazenda, evadiram-se do local deixando para traz moto e celular, tão logo perceberam a chegada dos policiais civis. As diligências foram intensificadas no sentido de identificar os mesmos.

A investigação teve início com a denúncia de que havia quatro pistoleiros fazendo a segurança da fazenda Alto Bonito, tendo em vista que a terra está em litígio por quebra de contrato. Em declarações prestadas a imprensa de Araguaína, Elias, um dos acusados, afirmou que a arma que estava em seu poder lhe havia sido entregue por um homem de nome Queops, que é patrão do autuado. (Ascom)


Com informações de AF Nóticias